Construção sustentável: é realmente viável?

Construção sustentável: é realmente viável?

Todos nós sabemos que a construção sustentável é primordial para que tenhamos um futuro de qualidade em vários aspectos. 

Porém, a dúvida que muitos podem ter ao cogitar a ideia da sustentabilidade no ramo de construção é se vale a pena, financeiramente e burocraticamente. Justamente por isso, no post de hoje você descobrirá se a construção sustentável é realmente viável. 

Vantagens da construção sustentável

Para aqueles que acreditam que a construção sustentável tende a beneficiar somente o meio ambiente, separamos algumas das vantagens que essa prática pode proporcionar:

  • Redução do consumo, custos e gastos de matérias-primas;
  • Maior valor de mercado;
  • Melhor aproveitamento de recursos, evitando o descarte de materiais;
  • Menor custo de manutenção;
  • Diminuição na geração de resíduos sólidos;
  • Obras mais ágeis, com atendimento a todos os prazos;
  • Economia na mão de obra, pela utilização de materiais mais leves e práticos;
  • Ambientes mais agradáveis e atraentes;
  • Construções com menor peso estrutural e maior resistência;
  • Redução de gastos energéticos com iluminação e climatização.

Não só isso, mas o mercado de construção sustentável é uma indústria que está se expandindo cada vez mais, movimentando trilhões de dólares todos os anos, em parceria com o mercado de materiais sustentáveis, com uma estimativa de movimentação de $234 bilhões de dólares em 2019.

Como iniciar um projeto de construção sustentável

A construção sustentável é 100% viável desde que seja feita a escolha correta dos materiais e um bom planejamento de obra com foco na sustentabilidade, desde a estrutura até a decoração dos ambientes.

Um projeto que desenha as janelas de forma estrategicamente bem pensada e sustentável, por exemplo, otimiza o aproveitamento de luz, calor e ventilação natural, reduzindo os gastos de energia com iluminação, climatização e exaustão.

Fundamental nesse processo é a elaboração do Plano de Gerenciamento de Resíduos da Construção Civil (PGRCC); Plano de Erosão e Sedimentação (PCES), Plano de Controle da Qualidade do Ar Interno (PCQAI), Plano de Resiliência; Plano de Segurança da Água (PSA; dentre outros.

Quem pode te ajudar na criação de seu projeto sustentável?

Primeiramente, se está interessado em construção sustentável, é interessante conhecer quais ferramentas deve-se utilizar para medir o desempenho ambiental de uma edificação. Dentre as principais estão o LEED (Leadership in Energy and Environmental Design), GBC Casa, GBC Condomínio, GBC Zero Energy, além do selo Procel PBE Edifica e do Selo Casa Azul da Caixa.

Felizmente, hoje em dia, existem profissionais dispostos aqui na Ideal Ambiental a te ajudar em todo o processo necessário para que uma construção sustentável seja executada dentro das normas legais exigidas, com qualidade e tecnologia a nível de mercado mundial. 

Hoje, atuamos nos variados setores da engenharia ambiental, e possuímos equipe técnica, qualificada e preparada para novos desafios, bem como uma rede de consultores externos e empresas parceiras para atender à sua demanda, independente do porte do seu empreendimento .
Para que não haja questões em aberto nesse processo de pesquisa ou até mesmo de execução, entre em contato conosco!

Temos consultores que com muito prazer te ajudarão com todas as dúvidas possíveis sobre construção sustentável, desde o planejamento até a execução.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado.